terça-feira, 10 de setembro de 2013

DOMINGO FOI DIA DE QUINA

A festa foi grande neste domingo, os BLUES conseguiram mais uma vez fazer a Quina, mas não foi tão fácil assim, os REDS lutaram muito para evitar essa tragédia, os jogadores Vermelhos que participaram da partida realizaram um primeiro tempo muito bom, mesmo sem suas peças principais, eles conseguiram equilibrar o jogo, Carlinhos, Almir, Pet, Marrom, Beto, entre outros jogadores, demonstraram muita garra e superação, surpreendendo todo o time dos BLUES que contavam com uma vitória fácil.
Os REDS tiveram várias chances de gols, no entanto, o atacante Silvano Junior não realizou sua função, ou seja, não colocou nas redes a bola, ao contrário, teve lances em que ele foi praticamente um zagueiro dos BLUES, no início do jogo, a bola foi lançada na área e Betão subiu com a convicção de faria o gol, mas Silvano conseguiu atrapalhar Betão, que com sua calma de sempre, falou algumas palavras de incentivo para Silvano.
Os REDS tiveram sua melhor chance de gol, no primeiro tempo, com Silvano, ele foi protagonista de mais um momento Anti gol, depois de uma bela troca de passes dos REDS, Almir deu um passe milimétrico para Silvano, o atacante entrou sozinho, de frente com o goleiro Henrique, mas Silvano tremeu, ele chutou para fora uma grande chance.

A BOLA PUNE

Após várias chances perdidas dos REDS, os BLUES tiveram sua chance, e logo com  o matador dos BLUES, Miguel Baratinha, ele não tem dó, após grande lançamento de Aguinaldo para Sandro, o Presidente com muita tranquilidade dominou a bola e com muita visão de jogo, fez um passe no espaço vazio da zaga dos REDS, Miguel partiu em velocidade, sendo marcado de perto por Betão, mas não tem jeito, Miguel nem dominou a bola, já chegou chutando, o resultado todos sabem, bola na rede e felicidade para os REDS, 1 X 0 GOL

JUSTIÇA

Por mais que não exista justiça no futebol, os REDS não mereciam perder no primeiro tempo. O suor nos rostos de vários atletas da Equipe Vermelha merecia ser recompensado de algum modo, e o gol seria o melhor presente para tanto esforço, e ele aconteceu, e da maneira que todos esperavam, com muita luta e garra, após grande jogada de PET, que recebeu a bola, entrou em diagonal e chutou, a bola iria entrar, mas segundo o arbítrio, Silvano completou para o gol, fazendo seu primeiro gol, e tomara que a INHACA dele acabe e que esse seja o primeiro de muitos.

O segundo tempo foi todo Azul, por mais que os REDS lutassem, os BLUES não deram chance, eles foram superiores e fizeram mais dos gols, decretando assim mais uma vitória, com direito a GOLAÇO do Pigmeu Wilson, que fez uma pintura, ele soltou uma bomba de fora da área, matando a Coruja que estava dormindo no gol do Adriano.

No início, o jogo não estava muito agradável para os BLUES, Marcelo Berel chegou a dar um PIT daqueles, devido a falta de jogadores de contenção no meio de campo dos BLUES, deixando o time exposto, após alguns minutos, Enilson fez mais uma de suas mágicas, ele com bom estrategista, mexeu em algumas peças, e o resultado foi mais dos gols dos BLUES.

A ARMA DO PIGMEU

O jogador versátil Wilson demonstrou que não é só um ótimo zagueiro, ele também sabe fazer gols, gols não golaço, ele disparou um míssil para cima do Goleiro Adriano. A jogada teve início com uma surpreendente arrancada de Sandro, o atacante  que não está 100 % fisicamente, lembrou os velhos tempos, após uma saída inteligente com as mãos do goleiro Henrique, Sandro deu um drible de corpo em Serjão e partiu na velocidade, Serjão ainda tentou fazer a falta, mas não teve jeito, Sandro rolou para André Show, que com muita inteligência tocou para Wilson, o Pigmeu dominou a bola e soltou a bomba no ângulo, GOLAÇO para coroar a grande partida de Wilson, 2 x 1 , GOOL.

SÓ NÃO ENTROU COM BOLA E TUDO POR HUMILDADE

O terceiro gol dos BLUES foi para realmente fechar o caixão, Sandro voltou a marcar, comprovando que a fase de artilheiro está voltando, ele aproveitou mais uma assistência maravilhosa de André Show, que mesmo não marcando os gols, o RENEGADO está sendo muito importante para os BLUES, ele fez uma grande jogada, e no momento certo deu uma assistência perfeita para Sandro, que ficou mano a mano com Adriano, Sandro driblou o goleiro e para não humilhar, deu um toque com muita calma, concretizando a QUINA DOS BLUES.

Além da QUINA, hoje, os BLUES poderiam ter dado um novo CHOCOLATE, os REDS têm muito a agradecer a PERIGO E ANDRÉ que foram fominhas e não deram o passe para Sandro, mas vida que segue e RUMO A MEGA SENA...............

Nenhum comentário:

Postar um comentário